Foi o 20 de Setembro!

OgAAAKC3go3rRmngfsid0NvduuQWdL2p2ypAfiV2DJ6mW1le75Z5yqyCwCOFagV8HaTzd6lUshaEOPrqy_9R_GLv4WkAm1T1UOkDcXAzyfsxOMnuqy0p_A_DnmJW

Mas não basta pra ser livre
Ser forte, aguerrido e bravo
Povo que não tem virtude
Acaba por ser escravo

Mostremos valor constância
Nesta ímpia injusta guerra
Sirvam nossas façanhas
De modelo a toda terra

Daí pessoal. Venho aqui hoje, excepcionalmente, declarar MAIS UMA VEZ meu amor pelo Rio Grande.

É. Chato né? Talvez, mas pra nós o dia 20 de setembro marca algo muito especial. Algo que nos toca de uma forma muito forte.

Não estou aqui para colocar lenha na fogueira do separatismo. Passou. “Deu pra ti, baixo astral. Vou pra Porto Alegre e Tchau” como diriam K&K. Ainda mais em uma data especial destas não é? Não tenho nenhum objetivo com esse post além de exaltar o que é o Rio Grande pra mim.

O que eu vou dizer da minha casa gente? Do lugar que eu chamo de lar? Não tem como explicar esse sentimento. Não sei quando ele nasceu, não sei como foi criado, mas é uma chama que arde dentro de todos que tem uma relação com esse pago.

Não temos quase nada demais por essas bandas. Não temos o melhor IDH, não temos o menor analfabetismo, não temos grandes belezas naturais. Por isso que eu digo que é dificil explicar o que nós gaúchos sentimos.

É um aperto no peito. Coisa que eu sinto agora escrevendo esse post. Meio que uma melancolia histórica de um povo tradicionalmente introspectivo, misturada com um orgulho descomunal. O povo gaúcho é de fato um povo especial. Um povo, em sua maioria, originário de gente que teve que lutar por essa terra. Um povo que sabe de onde veio e tem muito amor por essa herança.

E me refiro também aos gaúchos que moram longe dessa terra. Do pessoal que não larga o chimarrão nem sobre o calor nordestino. Do pessoal que cria CTG´s nos mais variados locais. Do pessoal que não consegue evitar a emoção ao ouvir o NOSSO hino tocando.

É gente. Eu posso dizer que, todos os anos, quando passo o Mampituba pra voltar pra casa o som da música gaúcha toca em meus ouvidos. Não sei porque, mas desde que me conheço por gente, quando isso acontece eu digo: – De volta pra casa.

Aff. Não adianta. Não tenho alcance mental suficiente pra falar sobre isso. A descrição deste sentimento que eu tenho claro como água dentro de mim está muito longe de conseguir ser transcrita em palavras. Agora que estou terminando o post eu percebo que isso só vai fazer sentido pra quem é gaúcho, pra quem também sente isso. Desculpa ao pessoal do resto do país, mas eu não sou capaz de explicar.

Em breve, provavelmente no dia 21, o blog volte à programação normal. Até lá é dia do gaúcho. Tem churrasco e bom chimarrão. Fandango, trago e mulher(via Skype). É disso que o gaúcho gosta. É isso que o gaúcho quer!

Abraços !

E aqui vai uma série de vídeos que me fazem balançar!



E de lambuja permita que eu NUNCA saia daqui. Mas se sair que possa ter a chance de dizer seguidamente: – de volta pra casa!

Te amo Rio Grande.

Te amo Bruna!

Matheus

Anúncios

2 Comentários

Arquivado em Dele

2 Respostas para “Foi o 20 de Setembro!

  1. Acho demais esse patriotismo dos gaúchos! parabéns pelo seu dia!

    beijos paulistanos.

  2. Delayla Taylor

    Vocês são a parte do Brasil que mais valoriza sua terra.

    Parabéns mesmo!!!

    Beijos

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s