Ainda sobre saias/saiotes/saiões

Bohhh. Bombou meu postzinho sobre as saias. Achei mega-ultra-super divertido ler os comentários. Comentários aliás que eu já esperava que rendessem uma polêmica.

Saias. Poisé. Acho que me expressei mal no post também. Estava e estou falando de saias mini-saias MESMO. As que mostram quase os gomos. Aquelas que quando a guria senta encosta a bunda desprotegida no acento. Sacaram?

Não como nos comentários disseram que eu não ache bonito. Claro que chama a atenção. Claro que eu olho. Assim como vocês mulheres e você Bruna também olham para os caras com os bracinhos musculosos de fora. Essa não é a questão.

A questão é que eu sou homem. Sei o que um homem pensa quando vê isso. Aliás, se vocês mulheres soubessem nem usariam saias assim. Se usam né, porque pelo o que eu lí as gurias aqui no blog também abominam. E não gostaria que homens olhassem pra minha namorada e pensassem isso. Eu sei que olham. Ela é linda. Baixinha e linda ( sei que ganharei beliscões por isso mas… ). Como o Júnior falou enquanto apenas olhar tá beleza.

Mas existe uma enorme e fundamental diferença entre, vou me usar como exemplo, olhar uma guria na rua e pensar : Que guria bonita! e olhar pra uma guria e dizer: Nossa, que tri, nem precisa muita imaginação pra imaginar ela pelada! ¬¬ !

Gosto quando a Bruna usa vestidos por exemplo. Pra festas e tal. E ela só tem uma saia que eu conheça. Aliás duas. E as duas são curtas mas não tão curtas. E eu não gosto delas. Ela usa em casa. Não deixo ela sair com elas na rua. Fazer o que. Uma dá na metade da coxa, é de jeans e tal. E a otra é mais longa, mas é daquelas que qualquer vento levanta. Ela em respeito a mim nem cogita usar mais pra sair na rua. Mas mesmo assim.

Enfim… Dando pano pra manga, ou pra saia como disse a Thay ;]

Abraços.

Te amo bebe

Matheus

Anúncios

32 Comentários

Arquivado em Dele

32 Respostas para “Ainda sobre saias/saiotes/saiões

  1. Júnior

    Mas a namorada tem ser mais baixa mesmo. É uma questão até de estética e a Bruna deveria ficar é feliz. Mulher mais baixa não fica estranho, agora homem… 😛

    Pense em como deve ser complicado para mim, que tenho malditos 1.78, (Culpa dos genes da dona Nete, porque meu irmão tem 1.90 ¬¬ ) namorar uma “criaturinha” de 1.70! ¬¬’

    Até aí nenhum problema, afinal, estou oito centímetros a frente. Quando ela sai comigo de rasteirinha, ÓBVIO!

    Enfim, continuo dizendo: Sim ao bom senso feminino, não à minissaia.

  2. Eu tenho 1.90 e a Bruna tem 1.55. Aueheau XP

    Matheys

  3. Delayla Taylor

    Eu sou baixinha também 1,54, o meu love tem 1,72 e da tudo certo!
    Ah, e ele não liga para as minhas saias, algumas não.

    Bjs, e obrigada pelo selo, vou colocar lá!
    Xau!

  4. Madi

    Pelo menos ela não precisa andar com salto 13 tendo a sensação de que carrega um chaveirinho. 😛

    Quanto às saias…

    “Não como nos comentários disseram que eu não ache bonito. Claro que chama a atenção. Claro que eu olho. Assim como vocês mulheres e você Bruna também olham para os caras com os bracinhos musculosos de fora. Essa não é a questão.”

    Claro que essa é a questão!

    Sabe, às vezes eu me pergunto se isso tudo é cuidado com a namorada ou uma desnecessária falta de segurança.

    Eu, em minha humilde e sincera opinião, sem jamais desrespeitar seu espaço, acredito que eu, como mulher, só permitirei que o Júnior determine minhas roupas no dia que todos os homens, inclusive ele, deixarem de olhar, por mais “ingenuamente” que for, as outras mulheres. Ou seja, nunca.

    Sim, a gente olha também. Homens e mulheres não são “cegos”.
    Mas daí vocês se sentirem incomodados com algo que vocês próprios fazem… ¬¬’

    Eu não me importo que o Júnior olhe. Porque eu tenho noção de quem eu sou na vida dele. E ele, EU ACHO NÉ, que também pensa assim. Mas olhar é uma coisa. Agora sair discursando sobre o fato de se sentir incomodado com os olhares alheios à namorada dele, fazendo ele exatamente igual com as outras, é DEMAIS pra mim.

    Resumindo…
    Eu não uso minissaia porque abomino. E também não uso certo tipo de coisas porque conversamos e chegamos a um consenso de que seria melhor para a convivência, assim como você disse que a Bruna não usa as saias dela por respeito a você. Concordo. Agora, o que nunca vai acontecer é eu deixar de usar alguma coisa porque o Júnior não gosta. Se eu concordar com ele, tudo bem. Se eu achar exagero, vaaaaaaaah se f*! ¬¬

    Mas o que me deixa p*** da cara com vocês, é que vocês falam, falam, falam… “Não quero ninguém olhando pra minha mulher, não quero isso, não quero aquilo”… Mas vocês continuam, na maior “cara de pau discreta” a olharem para as outras! ¬¬

    Ou seja, é a velha história do “nos olhos dos outros é refresco”.

    Rã.

    Se a gente é vista como complicada porque nunca sabe o que quer e carrega uma bolsa com uma farmácia dentro, imagina vocês com esse pseudo-conservadorismo.

    E deixa eu parar de comentar. Daqui a pouco o Júnior vai acabar levando uns guascassos no lombo e uns baitas de uns beliscões.

    Beijos,
    Madi.

  5. Tem selo pra vocês lá no Blog!

    Vcs já devem ter mais é só um carinho.

  6. A Bruna não me deixaria sair de cueca na rua. Nem sem camisa injustificadamente. Sou gordinho mas vá saber né. é uma via de duas mãos.

    Matheus

  7. Madi

    É, ele faz Direito.
    Desiiiiiissssssstoooo!

    Huahsuahsuahsuahsuahsuah!

  8. Madi

    E ó.
    Eu deixo o Júnior sair de cueca na rua.
    Deixo porque eu sei que ele nunca sairia de cueca na rua. Hahaha. Não até emagrecer o que precisa, porque coragem ele tem, percebe-se que nenhum de nós regula muito bem das idéias.

    Assim como ele me deixa usar minissaia porque sabe que eu não gosto. ¬¬’

  9. Búfalo

    Não sou contra o uso de minisaia. Claro que chama atenção, assim como certas roupas que usam também, mas não vejo mal algum nisso.

    Abraço,
    Búfalo
    http://naoserouser.wordpress.com/

  10. AEuheauheauehau ! Poisé. É uma via de duas mãos. A vulgaridade é que não tem espaço. A pouco debatíamos eu e a Bruna sobre a minha saída no carnaval vestido de globeleza apenas com um tapa-sexo muito bem colocado. Mas enfim… aeuheuae !

    Matheus

  11. Madi

    Bom, sobre você sair vestido de Globeleza no Carnaval com um tapa sexo não é mais questão de vulgaridade ou sensualidade.

    Mas sim, de ausência total de senso do rid…
    Sabe né.

    😛

  12. aeuheauheau é que eu adoooorro carnaval. Não posso perder essa oportunidade.

  13. Você parece meu pai, Matheus. E ele tem 86 anos!

    😛

    Beijão da Nete!

  14. Isa

    Acho que isso tem que partir mais da mulher mesmo. Saber os limites, ter o famoso simancol. No fundo cada uma sabe se a saia tá curta demais ou não, mas tem gente que simplesmente acha bonito ser puta.

    Sorte sua que a bruna é uma menina de respeito, porque se fosse um desses exemplares que citei àcima você ia ter trabalho ..

    E sabe outra coisa que faz variar isso? O lugar. Aqui no rio o que mais se vê são pernas, pernas, pernas. Shorts e saias pra todos os cantos, e até alguns dois mais curtos são considerados normais. Eu não sou lá muito fan dessas coisas mínimas, até porque é mega desconfortavel ficar se preocupando se você está pelada ou não, mas .. que aqui a maioria das coisas são normais, são ..

    Bom final de semana pros dois!

  15. ok, justificavel.
    Na verdade, smepre achei desnecessário, mas naum sei o pq, eu vou passa r a entender a posição de vcs,namorados protetores.

  16. batom pode, Matheus?

    uahuahuahuahuhauhauhauhauah

    inté!

    bjus nos dois!

  17. concordo. A mini-saia é uma coisa extremamente vulgar na minha opnião. E as mulheres não deviam usar isso, nem decotes exagerados pra chamar atenção, pois uma mulher de conteudo tem outras armas bem melhores pra chamar atenção e pra segurar um homem.
    beijos :*

  18. Nete

    Eu não iria comentar sobre isso, mas hoje, bem perto de mim, aconteceu uma coisa parecida com esta balbúrdia sobre o uso de saias.

    O Júnior, logo cedo, perguntou pra Madi se ela queria conhecer a cidade. Ela pediu pra ele esperar que ia trocar de roupa. E voltou com uma saia de cor bege lá nos joelhos, daquelas de tecido e de babadinhos mimosos, que aumentavam ainda mais o tamanho da saia. Vestiu uma regata branca tri comportada e calçou as rasteirinhas.

    Acredita que ele teve a cara de pau ao reclamar da saia, dizendo que se um vento passa levanta tudo?

    Por favor rapazes. Minissaia de modo algum, também acho vulgar… Mas agora ficar complicando as coisas colocando uma série de limitações no tamanho e no modelo?

    Ela subiu, trocou de roupa e voltou de tênis, calça jeans e uma blusinha sem mangas, mas com gola.
    Ele falou pra ela que agora tinha ficado feio. Então ela disse algo que eu apoei.

    “Ou você me vê bonita, ou me você vê ofuscada. A minha saia não ia levantar e eu não estava me expondo a ninguém. E agora eu vou com essa roupa: Não tem as minhas pernas aparecendo e nem o meu pescoço, ó. Tá um calor dos infernos, mas pelo menos ninguém vai olhar, então você pode caminhar seguro. Não é isso que você quer?”

    😉

    Resumindo, ele acabou deixando ela sair com a roupa que estava antes, porque o pseudo-conservadorismo deu vazão ao que ele realmente pensa: Não quero andar ao lado de uma mulher coberta, mas também não quero que ela se exponha.

    A mulher tem de ter bom senso ao se vestir. Não falo do fato da Bruna usar ou não. Acho bonito a consideração e o respeito que ela tem por você ao fazer isso. Mas o homem também tem de ter bom senso e avaliar quando esse cuidado todo não é exagero. Tem de ponderar. E ficar colocando uma série de limitações desnecessárias como às vezes vocês colocam, é simplesmente uma merda pra aturar. Hunf.

    Beijos,
    Nete.

  19. Sensualidade não é mostrar qual é o corte da depilação. De fato !

  20. Mas é claro. Eu acho que sei de qual saia tu tá falando. E de fato né, aqui na cidade da Bruna tá um vendaval. Não dá pra sair na rua com essas nestes dias. Não é aquelas de tecido fininho, rodadinha e tal ? Mas não sei como tava o tempo ae. É pra prevenir situações desagradáveis também. Uma vez a Bruna saiu com uma dessas e teve que ficar segurando a saia porque o vento levava. Nada contra saias. Tudo contra mini-saias desagradáveis.

  21. Caramba, Matheus.
    Eu escrevi “eu me você vê ofuscada”?

    É, eu to ficando velha, banza e cega ainda por cima.

    Haha!

    Beijos, Nete.

  22. Gloss.. uahuahuhauhauhaua pode??

  23. Por culpa destes posts, o Júnior acordou um tanto que Ernesto Geisel hoje pela manhã.

    E ele está terminantemente proibido de usar Internet. HUNF.

    Madi.

  24. entaum pode.. ou naum pode??
    responde aê Bruna…

    minha intuição: pode.. mas naum dura mto tempo.. vcs tiram rápido!!

    bjim!!

  25. gloss, baton???
    Qqr coisa pode ué… mas eu não gosto de usar baton… Só gloss! Mas também uso pouco…
    E quanto as saias é uma questão a parte..

    Beijos, Bruna

  26. Tem outra coisa: o homem é atraído pelo que vê, a mulher pelo toque, pela fala…
    Não adianta: homem olha pra essas coisas sim. E se a mulher quer se preservar, em respeito ao namorado e a si mesma, ela vai usar uma roupa que seja ao mesmo tempo bonita e decente (pq não precisa ser indecente pra ser bonita, e nem toda roupa decente é feia…). Mais uma vez, meu total apoio Matheus (podem me chamar de chata q eu nem ligo hehehe)

  27. Ei, já vi que tem outro topico sobre calças kkk, ainda não li, mas vou já lá. Queria só dizer mais uma coisinha complementando essa escrita aqui da Madi:
    “Mas o que me deixa p*** da cara com vocês, é que vocês falam, falam, falam… “Não quero ninguém olhando pra minha mulher, não quero isso, não quero aquilo”… ”

    A única solução pra homem que não quer que niguém olhe pra sua mulher é: meu fí, namore um dragão! dakeles bem feios mesmo sabe, um pokemon depois de 2 acidentes de carro e mais uma batida de frente num caminhão seguida de 3 tromoboses! Assim, talvez, vocês se livrem de todos esses inconvenientes que vêm junto com a beleza feminina!!!!
    kkkkkk

    bjuss

  28. Aff… cada um usa o que quer e foda-se… tem que aceita do jeito que é e ponto. Ciúmes é para quem não tem amor próprio e segurança de si.
    Não me conformo com estas coisas… alguém opinar sobre o que visto e deixo de vestir… mas cabe a mulher ter um bom senso crítico para saber onde e como deve usar.
    Mas alguém “regular” o modo que falo, ando, como e visto, nem pensar!!!!

  29. É como eu disse no post anterior, não proibo e nem nunca proibi nenhuma namorada de se vestir da forma que lhe agrada. Porém, se eu achar que a sainha está vulgar ou curta demais é claro que irei comentar e sugerir que use algo mais comportado.

    Mas, em hipótese alguma irei impor e ordenar que ela tire a roupa.

    Agora meu caro, venhamos e convenhamos, quem utiliza uma saia microcurta que dá até para ver o útero quando ela senta, não é lá uma mulher direita não acha?

    Como eu não gosto de me envolver com mulheres ditas aqui na minha terra “piriguetes”, procuro as que são comportadas para o público e descomportado comigo. Deu pra entender né?

    Abraços!

  30. Vamos lá….
    outro dia estava na casa do meu bambino; eu, ele e o cunhado víamos o programa da Luciana Gimenez (superpop…o pai dele manda no controle remoto :P) e a ‘matéria’ era uma piriguete que dizia ‘sou gostosa e conquisto tudo o que quiser’. Ela se dedicava a algumas tarefas (como pegar o bus fora do ponto, fazer o trânsito parar para atravessar a rua, conseguir $ pedindo, et e all).

    Haviam duas mulheres e um cara que iam ‘debater o assunto’ junto da piriguete. As duas garotas discordaram dela educadamente, dizendo que a mulher que usa a beleza para tais fins não está agindo correto.

    Foi só a piriguete abrir a boca para se defender e ‘pegamos a fita’: tratava-se de vagaranha mesmo. Meu cunhado disse: o cara até olha para ela, mas jamais a quereria a seu lado, como namorada/companheira.

    Eu afirmei: sabe o rapaz que está no palco para debater? Provavelmente ele concorda com a platéia e com as outras duas mulheres, mas não vai ‘bater muito de frente’ com a piriguete. Imaginam o motivo? Os três homembres (sogro, namorado e cunhado) disseram que não. Eu respondi: pq ele possivelmente tentará obter o telefone da piriguete, para fazer um ‘lanchinho’.

    E é ISSO que irrita TODAS as demais mulheres que não se comportam como ela; o fato da maioria dos homens não ter o menor pudor em comer o pedaço de carne que se apresenta, mesmo que esse pedaço de carne não seja de ‘qualidade’.

    Não sou uma tola e sei que os homens são mais ‘visuais’ que as mulheres e que o modo como nos vestimos exerce muita influência neles; mas, é bem irritante perceber que mesmo estando ao nosso lado, por um breve momento (se o cara não for um cafajeste), eles desviam o olhar para as piriguetes e alguns – seja por ego ou por outras questões – aceitam o flerte delas quando não estamos por perto.

    Isso não é legal. Para saber como nos sentimos, bastaria que eles tivessem empatia e pensassem como seria se a situação fosse inversa.

    Gosto de saias e vestidos, mas uso com moderação, pq não quero ser notada apenas por atributos físicos, já que não sou uma boneca de carne exposta num açougue qualquer.

    Não condeno quem age assim; cada um faz o que quer da vida. Mas não me sentiria muito bem ao lado de uma amiga que assim estivesse vestida.

    Acho que digitei demais…..só para variar. Beijos a todos! o/

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s